cartaz3

Oficina de Arquitectura para Crianças

De 19 a 23 e Dezembro de 2016

De 26 a 30 de Dezembro de 2016

Sessão de manhã das 10h00 às 13h00

Sessão de tarde das 14h30 às 17h30

Nas folhas do branco e gelado Ártico do livro infantil de Vieira da Silva caminham dois esquimós de feição e nome iguais.
A determinada página há uma foca que os assusta, mas depressa descobrem que a foca só é foca de um lado, do outro é um pássaro… um pássaro-de-grande-envergadura prestes a levantar voo. Assim, Kô e Kô partem à descoberta do Sol. Uma inesquecível história-viagem feita de criaturas de estranhos contornos e novos olhares para o Mundo.
A oficina embarca na história infantil de Vieira da Silva e a cada dia propõe sob o olhar esquimó a construção das paisagens, e de uma das cidades imaginárias habitada por uma das personagens (veados voadores, cavalo-de-seis-patas, o urso-carrancudo, …).

Oficinas Super Arquitecto

Informações práticas | Roupa prática e que se possa sujar, lanche se houver hábito de comer entre refeições.

Destinatários | Crianças dos 6 aos 12 anos.

Objectivos |

Conhecer a obra infantil da pintora de Vieira da Silva. Localizar geograficamente alguns lugares no mapa.

Reconhecer os espaços de uma cidade e as relações entre ela.

Construir em grupo uma cidade imaginária à medida de um animal.

Preço | 10 euros 1/2 dia – manhã ou tarde | 20 euros 1 dia – manhã e tarde | 15 euros mais de um dia – manhã e tarde | 60 euros – 5 dias

Material | Cartolinas, canetas e lápis coloridos, tintas ou pincéis

Quando | 19 a 23 dezembro ou de 26 a 31 de Dezembro

Horário | Das 10h as 13 ou das 15 as 18h

Onde | Casa-Atelier Vieira da Silva

Inscrições através do e-mail | thesuperarchitect@gmail.com

 


RITA CATARINO (Serpa, 1984)
Arquiteta pela Faculdade de Arquitetura de Lisboa e Bauhaus Universitat em Weimar, tem também formação em Ilustração pela CIEAM da Faculdade de Belas Artes de Lisboa. Em 2009 foi cofundadora da Oficina de Arquitetura Latitudes, com o objetivo pedagógico de levar a arquitetura às crianças. As oficinas passaram no Programa Nacional de Literacias e Literatura de 2013/14, nas várias edições do Arquiteturas Film Festival, na rede Municipal de Bibliotecas de Lisboa, vários museus e escolas primárias e básicas do país. Das oficinas resultaram revistas, livros e brinquedos arquitetónicos.
Tem desenvolvido estudos artísticos de investigação da paisagem e arquitetura. Entre eles “Paisagem Resgatada, Crônicas do Desaparecimento do Território da Albufeira do Alqueva” em colaboração com o Museu da Luz/EDIA e “Morfologia da Reforma Agraria” em colaboração com o Município de Montemor-o-Novo e Oficinas do Convento.
A primeira investigação resultou numa Exposição em 2015 no Museu da Luz (Aldeia da Luz, Portugal) e numa exposição integrada no Open House Roma no Complesso Ex Cartiera Latina em Roma e num Jornal em que participaram diversos artistas contemporâneos portugueses.